Louva-a-deus com sangue na guelra

Julgo que o insecto nas fotos seja uma Stick Mantis (louva-a-deus em forma de pau) – Archimantis latistyla -, espécie nativa da Austrália. O corpo é castanho-claro e os machos (na foto) medem 10 cm de comprimento. As fêmeas são ligeiramente maiores – 11 cm – mas tem asas curtas que não lhe permitem voar e só cobrem metade do abdómen (e este exemplar voou assim que me aproximei dele).

stick mantis 1

Continue reading

Garça-nocturna (“Nycticorax caledonicus”) – prima direita do Goraz

As semelhanças entre a garça-nocturna-australasiana (Nycticorax caledonicus) – Night Heron – e o nosso goraz (Nycticorax nycticorax) são evidentes: ambos medem 60 centímetros, têm aspecto atarracado e hábitos nocturnos, embora também tenham actividade durante o dia.

night heron 1

Continue reading

Numbat – marsupial em perigo

O Numbat (Myemecobius fasciatus),  marsupial de hábitos diurnos, seduz-nos com os seus enormes olhos e delicado focinho. É pequenito – 20 a 27 centímetros de comprimento e 400 a 700 gramas de peso -, de cor castanha-avermelhada, com uma risca preta que atravessa o olho e vai da orelha até ao focinho, e riscas pretas e brancas nas costas.

numbat 1

Continue reading

“Cape Naturaliste”, nova galeria em “Lugares”

Espreite a nova galeria – “Cape Naturaliste”, em Lugares.

aqui falei do Cape Naturaliste e, se tudo correr bem, falarei outra vez entre Setembro e Novembro, altura em que as baleias cruzam as águas que banham o cabo em direcção à Antárctida, para aí se alimentarem durante o Verão. A vista a partir do topo do cabo é deslumbrante. O olhar descansa sobre o mar, embalado pelas longas linhas das ondas que deslizam à superfície. No céu o espectáculo é tão ou mais surpreendente…

cape naturaliste