Surf – as melhores do mundo no Guincho

Como prometido, volto a este assunto.

Pratiquei alguns desportos e experimentei muitos outros. No topo da lista “por fazer” está o surf (talvez em 2014). A emoção e a adrenalina não são os únicos atractivos desta modalidade. Socorro-me das palavras do nadador Nuno Laurentino numa entrevista que lhe fiz há 4 anos sobre a sua paixão pelo surf, para um artigo sobre os benefícios para a saúde do contacto com a Natureza: “É uma terapia. É algo de que preciso para o meu equilíbrio (…). É um período de introspecção, só com as ondas e o mar, que dá para pensar em tudo”.

Continue reading

Carissa Moore sagra-se campeã mundial de surf no Guincho

Hoje, na Praia do Guincho, a surfista havaiana Carissa Moore sagrou-se campeã mundial na 8.ª e última etapa do circuito feminino – a EDP Cascais Girls Pro -, da qual foi também a vencedora. Voltarei ao assunto mais tarde, mas ficam algumas fotos de Carissa durante a prova e no momento em que celebrou a vitória no mundial.

Continue reading

Surf no Guincho (Allianz Cascais Pro)

O destaque do fim-de-semana desportivo nacional vai inteirinho para dois portugueses que brilharam lá fora: Rui Costa, que venceu o Mundial de Ciclismo, em Florença, Itália; e João Sousa, que ao vencer na Malásia, em Kuala Lumpur, tornou-se o primeiro tenista português a ganhar um torneio do circuito ATP.

Por cá, a 5.ª e última etapa da Liga Moche sagrou dois novos campeões nacionais de surf – Frederico Morais e Carina Duarte –, desporto que, como poucos, os humanos praticam em fluída harmonia com a Natureza.

Liga Moche. Allianz Cascais Pro. Setembro de 2013. Praia do Guincho

Continue reading

Dia Mundial dos Oceanos

Neste dia Mundial dos Oceanos – e com a época balnear à porta – relembro o velho slogan “destrói as ondas, não as praias” e partilho algumas imagens da manhã do primeiro dia (31 de Maio) do Allianz Ericeira Pro by O’Neill, que decorreu na belíssima praia de Ribeira d’Ilhas.

Continue reading

As ondas gigantes da Nazaré

O Canhão da Nazaré é uma espécie de Grand Canyon, mas está debaixo de água, é de origem tectónica (o desfiladeiro norte-americano resulta da acção do rio Colorado) e mede “apenas” 211 km de comprimento (contra 446 km do Grand Canyon). E, ainda que indirectamente, está nas bocas do mundo, pois terá proporcionado mais um record do mundo ao havaiano Garrett McNamara: o de surfar uma onda de 30 metros.

Continue reading