Uma pausa com Miguel Torga

” (…) Livre não sou, mas quero a liberdade.
Trago-a dentro de mim como um destino.
E vão lá desdizer o sonho do menino
Que se afogou e flutua
Entre nenúfares de serenidade
Depois de ter a lua!”

Excerto do poema Conquista, de Miguel Torga, em Cântico do Homem (1950)

nenufar-1 (1024x683)

O papa-moscas que não dá nas vistas

Se calhar, sem dar por isso, já se cruzou com um papa-moscas-cinzento (Muscicapa striata) num qualquer jardim ou área arborizada com espaços abertos. A verdade é que este pequeno pássaro passa despercebido pela pequena dimensão (14 cm de comprimento), pelo tom deslavado do corpo e por ter um canto curto e monótono.

Continue reading

“Botânico” – nova galeria

Espreite a nova galeria, “Botânico”, em Perspectivas. Tirei este conjunto de fotos no Jardim Botânico da Faculdade de Ciências de Lisboa. A enorme densidade de “verde” estende-se até vários metros de altura e cria um tecto natural, que esconde e filtra a luz do Sol. Neste jogo de sombras o preto torna-se protagonista da paisagem e emoldura caminhos, flores e folhas.