O inimaginável Palácio da Pena (Sintra)

Não é difícil convencer um australiano “ocidental” a visitar Lisboa. O clima não serve de argumento, mas esgrima-se com a luz da cidade, o castelo, os bairros antigos, os Jerónimos, a comida, a vida nocturna… O mesmo não acontece com outros “australianos”, os que nasceram em países como Brasil, Colômbia e Argentina, que têm mais Sol do que nós e comida tão boa ou até melhor. É então que jogo a cartada “pequenez”, com tudo o que se pode ver a um passo de Lisboa. Sintra, é o ás de trunfo, com o Palácio da Pena à cabeça.

palacio da pena sintra 1 (1024x683)

O Palácio da Pena é um daqueles locais que provavelmente visitei quando era miúdo, mas de que não me recordo. Assim, revisitá-lo, foi como uma primeira vez. Duas primeiras impressões. O exterior, impossível de não ver em qualquer passagem por Sintra, esconde recantos que só se vêem ao perto e é de uma fotogenia ímpar, o que é deveras extraordinário tendo em conta a miscelânea de estilos: neo-gótico, neo-manuelino, neo-islâmico, neo-renascentista…

palacio da pena sintra 2 (1024x683) palacio da pena sintra 2a (1024x685) palacio da pena sintra 2b (1024x683) palacio da pena sintra 2c (683x1024) palacio da pena sintra 2d (683x1024)

O interior contém inúmeros objectos do dia-a-dia da família Real que, só por si, merecem uma visita.

palacio da pena sintra 3 (1024x683) palacio da pena sintra 4 (1024x683) palacio da pena sintra 5 (714x1024) palacio da pena sintra 6 (683x1024) palacio da pena sintra 7 (669x1024) palacio da pena sintra 8 (683x1024) palacio da pena sintra 9 (683x1024) palacio da pena sintra a 10 (1024x665) palacio da pena sintra a 11 (1024x683) palacio da pena sintra a 12 (683x1024) palacio da pena sintra a 13 (1024x683)

Segue-se uma galeria com imagens deste palácio do século XIX, nascido entre rochedos, fruto da imaginação do rei D. Fernando II e do mineralogista alemão Barão von Eschewege.

Related posts / Posts relacionados:

2 thoughts on “O inimaginável Palácio da Pena (Sintra)

Comments are closed.